sexta-feira, 9 de julho de 2010

Distância

Seus passos a levavam para longe do solo meu, a distância apertava o peito, machucava a alma que por aquela figura levava tanto apreceio. Viver distância não presta, não há pingo de alegria só resta a sombra desse pobre homem, condenado a viver sozinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por compartilhar aqui! =D
#feliz